O que ando aprendendo

Faz pouco tempo que voltei ao Twitter. De cara, foi ótimo. Muita coisa me fazendo rir. Mas também é por lá que fico sabendo quanta merda está rolando no mundo, então acabo me sentindo meio sobrecarregado.

Não é só o fato de coisas ruins acontecerem. Tem o teor dos comentários das pessoas. Muita gente se xingando. O discurso de ódio vem do lado conservador e do liberal. Até os tuiteiros cristãos mais sóbrios vêm demonstrando desesperança em relação ao Cristianismo. Clima pesado.

Depois das risadas, a melhor coisa de ter voltado tem sido me informar sobre alguns movimentos sociais que têm ganhado mais força do que nunca. Estas são algumas coisas sobre as quais estou aprendendo:

  • Antirracismo: Nunca falei nada nas minhas redes sociais porque o assunto é tão complexo, e eu sei tão pouco, que prefiro ficar em silêncio aprendendo. Já me definiria como antirracista, mas não me sinto qualificado para discursar e nem acho que o movimento diria que tenho lugar de fala sobre isso.
  • Positividade do corpo: Só comecei a arranhar a superfície desse tema, e ele já tem me afetado pessoalmente. Me sinto desafiado a melhorar minha relação com meu próprio corpo pela atitude incrível de algumas pessoas que já são body positive, e estou aprendendo sobre gordofobia.
  • Anti-capacitismo: Como um típico cara sem deficiência, só soube da existência desse movimento há pouco tempo. Eu não sabia nem que a discriminação contra pessoas com deficiência tinha um nome. Se você nunca ouviu falar do assunto, vale a pena clicar aqui para um videozinho de um minuto e meio que explica direitinho.
  • Feminismo: Esse é o tema que mais estudei, de todos aqui, porque comecei há mais tempo. Já adianto que logo escrevo sobre a relação entre ele e o Cristianismo, que algumas pessoas pediram e acho super importante.

Todos esse assuntos são delicados. Tento aprender aos poucos, porque já não é fácil manter o equilíbrio com todas as questões existenciais que me acompanham todo dia. Você sabe, a existência e a natureza de Deus, o Budismo, o anticristianismo evangélico, e por que as visualizações do blog despencam quando publico um texto sem título polêmico.

Para terminar, estou começando a adotar medidas simples para diminuir meu tempo na internet, que é para sobrecarregar menos minha mente. Mas continuo buscando simplesmente crescer e compartilhar o que aprendo com vocês.

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s