Tem música secular na minha playlist

IMG_6987

Eu passei a maior parte da minha vida sem ouvir o que a gente chama de música secular. Foi uma escolha minha.

Cresci na comunidade evangélica e ouvi todo tipo de discurso para proibir cristãos de ouvirem música mundana. Mas, chegando a maior maturidade, conhecimento e revelação pessoal das Escrituras, vi que muito do que ensinam sobre o assunto no meio cristão não se sustenta biblicamente.

Música secular ainda é tabu entre a maioria dos evangélicos. Então a primeira coisa que quero fazer ao entrar nesse tema é dizer que escrevo com amor. Minha intenção principal é ajudar meus leitores a encontrarem paz sobre essa questão.

Este artigo inaugura uma série sobre música secular e você vai descobrir muita coisa se acompanhar os próximos textos aqui no blog ou pelo Facebook.

Por que eu não ouvia música secular

Meus pais são muito modernos e estão sempre crescendo em Cristo, o que me dá muito orgulho. Ainda mais porque eles começaram sua carreira cristã em comunidades tradicionais. Com isso, no começo da minha infância eu lidava com várias tradições que hoje a gente aqui em casa já não entende mais como essenciais para nós. Uma delas era não ouvir música secular, coisa que meus pais ainda mantêm, mais por preferência do que por regra. Somando essa tradição aos ensinos evangélicos comuns sobre o assunto, para mim fazia muito sentido não ter contato com música mundana e fiz essa escolha sem dificuldade alguma. Não ouvir música secular nunca foi um peso para mim.

Minhas descobertas na Palavra

Na adolescência e começo da juventude, eu já estava lendo a Bíblia com frequência e descobrindo que ela discorda de muita coisa que os crentes têm como regra incontestável. Uma coisa importante que descobri logo cedo é que Deus é muito mais poderoso em mim do que qualquer coisa externa a mim, mundana ou demoníaca. Por isso, ficou impossível para mim acreditar que a música secular pudesse exercer sobre um crente que anda no Espírito toda aquela influência poderosa e destrutiva de que sempre se fala. Meu Deus e meu espírito regenerado têm que ser mais fortes que a música. Eu nem tinha vontade de ouvir música “do mundo”, mas questionava seriamente o ensino corrente sobre o assunto.

Ouvindo música secular

Comecei a ouvir música internacional mais do que qualquer coisa por volta dos quinze anos. E descobri que meus artistas cristãos americanos favoritos não tinham medo nem vergonha de celebrar suas influências e referências na música: bandas seculares. Mais tarde, com vinte e poucos anos, eu tive seis meses de prática de banda num conservatório, e nossa tarefa era executar música brasileira da década de 30. Nessa época, nada religioso autoral era produzido no Brasil de que se tenha conhecimento amplo, e eu recorri ao nosso bom samba para me desenvolver como artista durante aquele semestre. E, para surpresa dos evangélicos, toda essa exposição à música secular não interferiu em nada na minha espiritualidade. Ela estava firmada em Deus, não na cultura ou na música. A unção continuou sobre mim quando eu ministrava adoração. Por fim, minha família ficou fã de reality shows de competição de canto como o The Voice por um tempo, o que me expôs a muita música secular boa, bela, e até de teor cristão.

Minha playlist hoje

Há poucos anos, encontrei meu próprio posicionamento bíblico a respeito da música secular, e é nisso que baseio minha caminhada. Aliás, tudo o que é hábito para mim, procuro basear nas Escrituras e no que o Espírito Santo me diz pessoalmente em vez de me pautar sobre a minha opinião ou a dos outros. Isso sempre regado de diálogos abertos com outros cristãos e ouvindo líderes evangélicos sérios do Brasil e do exterior.  Hoje, então, embora a maioria esmagadora do que escuto seja de música cristã, eu também ouço música secular moderadamente. Por quê? Por que me edifica ou me faz bem. Essas e outras questões, a gente conversa nos próximos textos sobre música secular.

 

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s