Tudo vai ficar bem

 

Ontem à noite, uma mãe afofou o edredom de sua filhinha de seis anos, que estava muito triste. Durante o jantar, a mãe perguntou por que sua princesa estava tão quietinha, mas a garota não quis contar.

Depois de arrumar as cobertas, sentou ao lado de sua filha para um beijinho de boa noite, como sempre faz. Mas a garotinha estava em silêncio, o tempo todo evitando olhar para a mãe, querendo ficar sozinha.

A mãe não sabia o que dizer. O problema de uma criança raramente é um grande problema para um adulto. Mas é sempre muito importante para um pai.

Ficou ali, respeitando o silêncio de sua princesa, apenas olhando para ela, tentando achar algo para dizer.

Finalmente, tomou a mão da garotinha com carinho e segurou com firmeza. Sentindo-se segura, a menininha não conseguiu resistir à vontade de voltar o rostinho para a mãe e, ao fazer isso, encontrou o olhar mais profundo e doce que conhecia. Naquele momento, os olhos pretos e brilhantes de sua mãe pareciam mais amorosos do que em todas as noites, como um céu escuro estrelado.

Passando a mão no rostinho de sua filha, foi apenas isso que a mãe falou:

– Amanhã vai ficar tudo bem, filhinha. Mamãe promete.

Um sorriso, um beijo demorado na testa, um abajur apagado, e a mãe foi se deitar.

No escurinho, a garotinha sorria. Antes ela achava que aquela tristeza fosse ficar ali por muito tempo e não sabia o que fazer. Mas agora ela tinha uma certeza: era só dormir, que tudo estaria bem no dia seguinte.

Antes de cair num sono pesado e feliz, algumas coisas passaram por aquela cabecinha de princesa. Coisas assim:

“Uau… eu nem disse pra mamãe o que aconteceu, mas ela sabe! Como ela faz isso? Ela sabe o que aconteceu. E ela nem me fez contar… Mamãe é demais! Amanhã, vai estar tudo bem de novo. Daqui a pouco…”

Sabe… Quando a gente era criança, não precisava de explicações nem de provas. Se alguém de confiança nos dizia algo, isso só podia ser verdade.

Conforme crescemos, fomos nos decepcionando, fomos entendendo o que são frases de efeito, o que são clichês, o que é “fazer sentido”. E agora, para que a gente acredite em alguma coisa, é preciso que ela seja muito bem explicada. De preferência, que ela se encaixe ao tipo de realidade em que nós acreditamos. Mesmo que essa realidade nem seja a verdade.

Já não importa muito quem fala, como fala ou o que nos faz sentir. O que importa é se o que ouvimos tem a ver com a nossa opinião, com o que experiências passadas nos ensinaram, e com o sistema de crença que nós desenvolvemos, cuja legitimidade nós nem mesmo questionamos, porque confiamos mais em nossa realidade e julgamento pessoal do que em qualquer coisa que se proponha a ser uma verdade maior que isso.

Um novo dia já vai começar. E eu só desejo que amanhã você acredite em Deus como uma criança.

 

16 comentários

  1. Voltar ao jardim da inocência é um grande desejo!

    Mitch, continue sendo benção e abençoado!
    beijos

  2. Aaaaah Lindo!

    A independência de Deus é uma doença causada pela desconfiança!

    Quero depender como uma criança e acreditar como uma criança!

    Mitch, escreva um livro de devocionais, sabe aqueles que tem 365 textos? rs…. ia ser bem legal, eu compraria!
    Abç =D

  3. *-* nusss, q tesouro isso, não precisar de explicações nem de provas pra acreditar em Deus como criança.
    … é maninho vc não escapa de escrever muitosss livros *o* com todos os temas. Vou adorar comprar todos! Deus te abençoe infinitamente+ S2!
    AbracinCarinhosin! \o/

  4. Hunf!!! Mais uma vez usado pra me abençoar! :-)
    Por cada palavra, obrigada!
    Que Deus te abençoe e transborde sua vida de vida com Ele e inspirações Dele!
    Bjo

  5. Lindo Mi! Parabéns! Que nossa vida seja rendida ao Eterno!
    Vc precisa escrever um livro *-*

Deixe um comentário

Faça o login usando um destes métodos para comentar:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s